Os processadores Opteron da AMD deverão equipar aquele que deve ser o primeiro supercomputador da China, desenvolvido pela Dawning Information Industry. A AMD está neste momento a trabalhar para obter a aprovação das entidades reguladoras norte-americanas para este negócio, indica em comunicado



Combinando mais de 2 mil processadores Opteron da série 800, o Dawning 4000A deverá ter uma capacidade de processamento de 10 TeraFlops, processando 10 triliões de operações por segundo. Desta forma, deverá colocar-se entre os mais poderosos do mundo, estando prevista a sua conclusão até Março do próximo ano. Para além dos 10 TeraFlops que deverão ser garantidos pelos processadores Opteron, o supercomputador deverá ter uma capacidade de memória de 2256 GB, indica o comunicado da AMD.



A Dawning Information Industry é uma empresa fundada em 1995 e tem vindo a estabelecer várias joint-ventures internacionais e ainda parcerias com unidades de Investigação e Desenvolvimento chinesas. A empresa tem um portfolio de produtos na área de servidores, quer de hardware quer de software, e a sua aposta nos supercomputadores está relacionada com as necessidades deste tipo de equipamento na área de investigação e centros computacionais.



O projecto está a ser suportado pelos ministérios chineses da Ciência e Tecnologia e da Indústria, tendo sido reconhecido pela Academia das ciências chinesa.

Notícias Relacionadas:

2003-07-01 - AMD amplia linha de processadores de 64 bits Opteron

2003-05-26 - Centro de investigação constrói cluster Linux com 65 consolas PlayStation 2

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.