Numa conferência realizada na quarta-feira, dia 3, em Nova Iorque, a Dell anunciou o lançamento de uma nova linha de servidores blade integrada com software de gestão. Denominada PowerEdge 1655MC, esta série pode acomodar seis servidores com processadores Pentium III da Intel com a velocidade de relógio de 1,26 GHz num espaço de um.



Os servidores blade consistem em pequenos computadores construídos em placas que podem ser ligados a um rack especial, onde são juntados como se fossem livros numa estante. O rack oferece uma fonte de alimentação partilhada e funcionalidades de ligação em rede, permitindo ainda que as empresas acrescentem mais servidores de acordo com as suas necessidades. Normalmante, este tipo de computadores é utilizado para tarefas como alojamento de sites da Web.



Em simultâneo, a Dell anunciou dois novos servidores PowerEdge, os modelos 6000 e 6650, que integram o mais recente multi-processadores Intel Xeon. Estes computadores destinam-se a aplicações que exigem um maior poder de processamento, como bases de dados e transacções online utilizadas em data centers empresariais. Incluem funcionalidades avançadas para expansão do sistema e para acomodar grandes quantidades de dados internos armazenados.



Os PowerEdge 6600 e 6650 estarão disponíveis a partire de Maio, esperando-se que os seus preços começem nos 5.499 e 5.199 dólares (6.263 e 5.922 euros), respectivamente. O PowerEdge 1655MC será lançado mundialmente no terceiro trimestre do ano, altura em que será revelado o seu preço. Este server blade irá suportar os sistemas operativos Windows 2000 Server e Advanced Server e o Linux, através da distribuição da Red Hat.



A companhia pretende introduzir mais modelos de servidores blade à linha PowerEdge baseados em chips Pentium III multi-processador que funcionam à velocidade de 800 MHz, modelos que foram lançados no mês passado pela Intel.



Os novos servidores blade integram-se numa estratégia mais alargada da Dell para expandir-se para áreas situadas para além do PC. Apesar de a companhia ter alcançado a primeira posição no segmento de servidores mais comuns, isto é, computadores que se baseiam em processadores da Intel e nos sistemas operativos Windows ou Linux, e de continuar a aumentar a sua quota de mercado nas vendas de PC, a Dell pretende continuar a sua expansão para outros mercados com maiores margens de lucros.



A Dell vai, contudo, chegat ao mercado de servidores blade mais tarde que algumas concorrentes como a HP e a Compaq, que lançaram computadores deste tipo só com um processador Intel Pentium III nos último meses. Mas a Dell pretende montar a sua estratégia com base no argumento de que pode oferecer melhores preços e desempenho.



Notícias Relacionadas:

2002-03-12 - Especificação aberta da HP quer assegurar compatibilidade entre servidores blade

2002-01-30 - Compaq introduz ProLiant BL e-Class, um servidor que ocupa pouco espaço

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.