A indústria dos computadores está a registar um crescimento mais lento do que o esperado pela Dell durante este trimestre. Numa reunião com analistas de Wall Street, Kevin Rollins, director executivo da Dell, mencionou estatísticas de mercado que apontam para um aumento dos pedidos mundiais de PCs de 10 por cento, seis por cento abaixo do previsto inicialmente (ver Notícias Relacionadas).



Mesmo assim, a fabricante, actual líder mundial do mercado, decidiu manter as suas previsões de vendas para o primeiro trimestre fiscal - que termina a 30 de Abril - , afirmando que espera receitas na ordem dos 13,4 mil milhões de dólares, numa melhoria de 16 por cento face ao ano passado.



Kevin Rollins salientou ainda que a queda da taxa de crescimento do sector não a preocupa, afirmando que estima crescer muito mais rapidamente do que as suas rivais. Durante 2004, o crescimento das vendas de PCs registado pela Dell foi 50 por cento mais rápido do que o observado no resto da indústria.



O director executivo fez igualmente questão de recorrer a dados estatísticos para mostrar que a sua empresa cresce sempre de forma mais rápida quando a indústria não atravessa um bom momento do que o contrário.



Notícias Relacionadas:

2005-03-27 - IDC revê em baixa previsões de crescimento para o mercado mundial de PCs

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.