As empresas de segurança detectaram, pela primeira vez, código malicioso destinado a terminais que integrem o Windows Mobile da Microsoft. Conhecido alternadamente como Backdoor.Bardor.A e WinCE.Brador.a, o Cavalo de Tróia em questão permite a um atacante controlar um qualquer handheld que utilize tal sistema operativo, alertaram a Symantec e a Kaspersky.



Sendo um Cavalo de Tróia, este programa malicioso não é capaz de se auto-propagar, necessitando por isso de ser enviado como um ficheiro anexo por email, o que o torna menos perigoso. Como é normal neste tipo de situações, os conselhos vão no sentido de não se executarem ficheiros de fontes desconhecidas.



O bug parece estar limitado a dispositivos que usem um processador ARM e o sistema operativo Pocket PC, diz a Symantec em comunicado. "Trata-se do primeiro Cavalo de Tróia que vimos para Windows CE, mas não se tem difundido", refere a empresa classificando o Backdoor.Bardor.A como um programa malicioso de nível 1, o mais baixo da sua tabela de cinco pontos.



No mês passado, investigadores detectaram o primeiro vírus para Windows CE que identificaram como um programa malicioso conceptual (ver Notícias Relacionadas). "Tinhamos a certeza que iria aparecer código malicioso para PDAs assim que os vírus proof-of-concept para telemóveis e Windows Mobile surgissem", afirma Eugene Kaspersky, da Kaspersky Labs que garante que o WinCE.Brador.a, como é denominado pela sua empresa, é um "programa malicioso de larga-escala pronto a arrancar (...) com o seu conjunto de funções destrutivas".



A Kaspersky Labs acredita que o bug foi provavelmente escrito por um programador russo, já que a versão detectado estava anexada a uma mensagem de email de um endereço russo e texto na mesma língua.



Notícias Relacionadas:

2004-07-19 - Autores do Cabir divulgam novo vírus que afecta Windows CE

2004-06-16 - Primeiro worm que infecta telemóveis sem grande risco

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.