Os Estados Unidos vão avançar com um novo teste à utilização de passaportes electrónicos. A experiência vai ser conduzida pelo aeroporto internacional de São Francisco, com a colaboração dos aeroportos internacionais de Singapura e de Sydney na Austrália e arranca já no Domingo, para se prolongar até ao próximo dia 15 de Abril.


Numa declaração disponibilizada à imprensa o Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos classifica a iniciativa como uma "oportunidade para trabalhar com os parceiros internacionais[...] e pôr em prática uma solução de leitura de passaportes electrónicos até final do Outono deste ano".



A tecnologia que irá ser testada na experiência deverá ler e verificar os dados biométricos introduzidos nos passaportes electrónicos, por forma a aumentar os mecanismos de segurança e de identificação dos cidadãos que pretendem entrar nos Estados Unidos ou em algum dos outros dois países participantes na experiência.



Os dados apurados serão posteriormente analisados e usados para ajudar a desenhar o modo final dos passaportes electrónicos e os sistemas de leitura da informação. Os passaportes que vão suportar a experiência incluem informação biométrica, onde se inclui fotografia digital e dados biográficos do utilizador.



Recorde-se que o departamento americano já tinha conduzido uma experiência anterior com o mesmo objectivo, que envolveu o aeroporto internacional de Los Angels e o aeroporto de Sydney. Este primeiro teste não permitiu apurar toda a informação necessária, razão que motiva a segunda experiência.



Notícias Relacionadas:

2005-06-17 - EUA voltam a adiar data de introdução de dados biométricos nos passaportes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.