Na próxima segunda-feira uma conferência europeia vai debater os problemas auditivos que ameaçam os utilizadores de leitores de música digitais. O debate, que envolverá especialistas, indústria, associações de consumidores e a comissária europeia do consumo, Meglena Kuneva, tem por base os dados apurados num estudo apresentado no ano passado.

O documento indicava que entre 5 a 10 por cento dos utilizadores deste tipo de equipamentos corre o risco de vir a sofrer de problemas auditivos, se ouvirem música com volume alto por mais de uma hora por dia, durante pelo menos cinco anos.

O encontro - que decorre a 27 de Janeiro em Bruxelas - vai servir para tentar encontrar medidas que possam ser implementadas pela indústria para minimizar estes riscos e analisar a necessidade de reforçar a regulação na área. Empresas como a Nokia ou a Apple participam no encontro.

Estima-se que na Europa existam pelo menos 10 milhões de utilizadores de leitores de música digitais.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.