Depois de alguns adiamentos, o International Football Association Board (IFAB) vai, finalmente, discutir o uso da tecnologia nos jogos de futebol na reunião marcada para Outubro. A proposta conta com o apoio da FIFA, mas só na aplicação à linha de golo.

Joseph Blatter, presidente da FIFA, aproveitou uma conferência de imprensa recente para confirmar isso mesmo, referindo que é a favor do uso da tecnologia em decisões polémicas, desde que fique provado ser fiável. "A minha opinião sobre a aplicação de tecnologia à linha de golo nunca mudou. Já disse que quando tivermos um método simples e preciso o iremos adoptar", cita a Reuters.

O responsável adiantou ainda que na reunião do IFAB, organismo regulador composto pela FIFA e por representantes das federações da Inglaterra, Irlanda do Norte, Escócia e País de Gales, estarão várias propostas na mesa.

O debate sobre o recurso à tecnologia nos jogos de futebol tem já algum tempo, mas ressurgiu durante o Mundial de África, quando o golo do inglês Frank Lampard contra a Alemanha ficou por validar, embora as repetições televisivas não deixassem dúvidas de que a bola tinha passado a "linha que faz a diferença".

O polémico tema esteve para ser discutido na reunião de Julho do IFAB, mas acabou por ser adiado para o próximo encontro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.