Ao longo dos próximos dois anos a HP propõe-se reduzir o consumo energético dos seus computadores de secretária e notebooks em 25 por cento. As preocupações ambientais são cada vez mais um instrumento usado pelas empresas que querem mostrar-se responsáveis e captar a atenção dos consumidores, também eles cada vez mais sensíveis às questões ambientais.



O compromisso da fabricante, revelado em mais uma edição da CES, implica o reforço de um esforço que tem vindo a ser feito nos últimos anos e que lhe valeu a distinção de primeira empresa a registar um produto EPEAT Gold, com o Compaq rp5700 Long Lifecycle Business Desktop PC, ao longo do ano passado. Depois desse, outros equipamentos da marca já cumprem os mesmos requisitos. Este sistema EPEAT ajuda os retalhistas a avaliarem, compararem e seleccionarem PCs e monitores baseados nos seus atributos ambientais.



Cumprir o objectivo de 2010 implica agora passar a integrar nos seus equipamentos componentes com sistemas de alimentação mais eficientes e utilizar chipsets também eles mais eficientes, entre outras alterações.



Notícias Relacionadas:

2007-12-12 - Nokia alia-se às causas ambientais com o novo 3110 Evolve

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.