A IBM anunciou ontem o
lançamento dos primeiros servidores x440 incorporando 16 processadores,
constituindo a sua máquina de topo de gama empregando chips da Intel. O computador é composto
por dois sistemas equipados com oito processadores cada e montados em forma
de rack com sete polegadas de altura e ligados com cabos de alta
velocidade.

O x440 assenta na estratégia da IBM de construir servidores Intel cada vez
mais poderosos. Este servidor emprega a primeira versão do processador Xeon
MP da Intel, conhecido pelo nome de código Foster MP, podendo ser adquirido
por 81 mil dólares, incluindo 8 GB de memória e dois discos rígidos de 18 GB,
o que é um preço relativamente acessível para uma máquina deste tipo.

Segundo a IBM, o seu estilo de "bloco de construção" denominado
XpandonDemand permite que os clientes paguem por poder de processamento
informático adicional à medida que forem necessitando, começando com quatro
processadores e alargando-se a 16 processadores e 64 GB de memória. O eServer
440 pode correr qualquer combinação dos sistemas operativos Microsoft Windows
e Linux numa única configuração SMP (multiprocessamento simétrico), incluindo
até quatro partições físicas ou 64 partições virtuais.

Por outro lado, integra a tecnologia eLiza de auto-resolução de problemas, que
mantém os sistemas em funcionamento mesmo em caso de falhas, permitindo ao
mesmo tempo desempenhar tarefas de administração, como diagnóstico em tempo
real, Software Rejuvenation e Chipkill Technology,
funcionalidades que ajudam a prever e a reparar problemas potenciais sem que
o servidor fique offline ou seja necessário desligá-lo.

Dado o processador Itanium da Intel lidar melhor com restrições de memória, a
IBM pretende lançar uma versão do x440 para esse chip com quatro
processadores no início de 2003. No final do ano, deverá ser lançada uma
versão Itanium com 16 processadores, bem como outra versão com 32
processadores Xeon.

Contudo, ainda existe muito pouco software capaz de correr nos servidores topo
de gama com chips Intel, como o x440 de 16 processadores. No início do
primeiro trimestre de 2003, a IBM irá começar a suportar a segunda geração de
processadores Xeon, com o nome de código Gallatin, que possui mais memória
cache de alta velocidade, oferecendo assim um maior desempenho.

Notícias Relacionadas:
2002-11-06 - Novos
chips Xeon da Intel destinam-se a servidores com quatro e oito
processadores

2002-04-23 - Intel
com novos processadores Pentium 4 para portáteis e Xeon para
servidores

2002-02-26 - Intel
lança novos processadores Xeon para servidores de gama de baixa

2001-09-25 - Processadores Xeon da Intel atingem os 2 GHz

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.