A Intel lançou recentemente um novo conjunto de ferramentas com vista a aumentar o desempenho do software concebido para os seus processadores Pentium, Xeon e Itanium. A versão 7.0 dos compiladores de C++ e Fortran para os sistemas operativos Windows e Linux permitem escrever programas mais rápidos nessas linguagens de programação.

Um compilador consiste numa ferramenta essencial para o desenvolvimento de aplicações que traduzem o software escrito por humanos em instruções de máquina que podem ser compreendidas por um processador. Um compilador mais eficiente pode ajudar a aumentar a velocidade de um programa no mesmo hardware, sem que sejam feitas quaisquer alterações. A Intel também empregou a tecnologia de compilação para fazer avançar objectivos estratégicos como o seu suporte do Linux.

Esta versão 7.0 dos compiladores é a primeira a suportar funcionalidades que ajudam o software a tirar partido da tecnologia de Hyper-threading, já desde há muito empregue nos
processadores Xeon mas que foi recentemente introduzida no Pentium 4, através do modelo de 3,06 GHz, que permite que um único processador funcione, de algumas formas, como se se tratasse de dois.

O género de aplicações que poderão aumentar o seu desempenho quando concebidas com os novos compiladores incluem as transacções comerciais, as aplicações financeiras, científicas ou de engenharia informaticamente intensivas, os conteúdos multimédia digitais, os jogos e os efeitos especiais. Os novos compiladores suportam muitas das funcionalidades do Visual Fortran
da HP e do Visual Studio da
Microsoft. A versão para Linux disponibiliza compatibilidade GNU para o C++.

A versão 7.0 dos compiladores de C++ para Linux e Windows custa 399 dólares. Os compiladores de Fortran, mais dirigidos a clientes técnicos e científicos, custam 499 dólares na edição para o Windows e 699 dólares na edição para o Linux.

Notícias Relacionadas:
2001-08-23 - Intel
introduz compiladores para Linux

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.