A Intel anunciou hoje o lançamento de três novos processadores móveis Pentium 4-M destinado a computadores portáteis, bem como um chip Xeon para estações de trabalho e servidores com mais de um processador.



Funcionando à velocidade de relógio de 1,4, 1,5 e 1,8 GHz, os novos processadores para notebooks vão ser integrados em mais de 30 computadores portáteis das maiores fabricantes mundiais, variando desde um tamanho grande a modelos finos e leves e destinados quer a consumidores, quer a utilizadores empresariais. Algumas das empresas que se inserem neste lote são a Acer, Compaq, Dell, Fujitsu, Gateway, Hewlett-Packard, IBM, NEC, Sony e Toshiba.



Vários dos novos notebooks baseados nos processadores Intel Pentium 4-M incorporam tecnologias e protocolos de comunicações sem fios como 802.11b e Bluetooth. Muitos aeroportos, hóteis e cafés já criaram hot spots onde estes PCs portáteis podem ser ligados à Internet sem necessidade de se recorrer a fios.



Os processadores Pentium 4-M incluem suporte da tecnologia SpeedStep que assegura um equílibrio entre o desempenho e um funcionamento com baixo consumo de energia, para alargar o tempo de duração da bateria. Desta forma, é disponibilizado um desempenho máximo quando o processador está a funcionar sob um ambiente de multitarefa e correndo aplicações pesadas, como quando se está a jogar um título recente de acção, visualizar imagens digitais da família em férias ou a efectuar o download de vídeos a partir da Internet.



Quando, pelo contrário, estão a ser efectuadas tarefas mais simples como escrever um email, a velocidade e energia do processador é reduzida, com vista a prolongar o tempo de duração da bateria. Em quantidades de mil unidades, o modelo Pentium 4-M de 1,4 GHz custa 198 dólares (223 euros), estando o processsador de 1,5 GHz disponível por 268 dólares (301,90 euros) e o de 1,8 GHz por 637 dólares (717,58 euros).



Também no dia de hoje foi lançado mais um processador Xeon, destinado a servidores e estações de trabalho que suportam processadores duplos, funcionando a uma velocidade de 2,4 GHz. Integrando 512 KBytes de memória cache de nível dois e baseia-se na tecnologia de processo de fabrico de 0,13 microns. Por outro lado, este Intel Xeon é o primeiro processador duplo a ser produzido em wafers de 300 milímetros. A combinação de wafers maiores com um menor tamanho do molde irá desencadear uma redução dos custos de produção.



O processador Intel Xeon para servidores com processadores duplos baseia-se na micro-arquitectura NetBurst da fabricante de semicondutores e integra a tecnologia de Hyper-Threading. Oferecendo o dobro da largura de banda da memória em relação à tecnologia tradicional de SDRAM, o chipset Intel E7500 está disponível para os servidores com processadores duplos, ao passo que o Intel 860 é indicado para estações de trabalho com processadores duplos.



Várias fabricantes, como a Compaq, Dell, Gateway, HP e IBM esperam comercializar nos próximos meses máquinas baseadas no novo processador. Em quantidades de mil unidades, o Intel Xeon de 2,4 GHz custa 615 dólares (692,80 euros).


Notícias Relacionadas:

2002-03-04 - Novo processador portátil Pentium 4 da Intel funciona a 1,7 GHz

2001-01-21 - Intel completa migração da sua linha de processadores de portáteis para 0,13 microns

2002-01-07 - Intel e AMD lançam processadores Pentium 4 e Athlon XP ultra-rápidos

2001-09-25 - Processadores Xeon da Intel atingem os 2 GHz

2001-05-21 - Intel lança Xeon de 1.7 GHz

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.