A Intel e a Red Hat anunciaram durante o LinuxWorld o lançamento de um programa conjunto que pretende facilitar a transição das empresas para sistemas Linux baseados nas plataformas Intel. Através deste programa serão testadas ferramentas de virtualização, garantindo-se também o acesso a Centros de desenvolvimento e de apoio para a transição das soluções.

De acordo com as empresas, este programa tem uma estrutura única, garantindo aos clientes acesso em tempo real a informação crítica, ferramentas e suporte para que possam optimizar as suas soluções Linux nas plataformas Intel, justifica Jon Bork, director do Open Source Program Office da Intel.

A Red Hat tem vindo a estabelecer diversas parcerias com empresas fabricantes de hardware, nomeadamente a IBM e a HP, com o objectivo de ajudar as empresas a adoptarem soluções empresariais baseadas em Linux.

Com este acordo a Red Hat vai disponibilizar no seus centros em vários pontos do mundo equipamentos Intel com processadores Itanium, Xeon, Pentium 4 e Centrino, assim como sistemas de storage, de forma a que as empresas interessadas possam replicar os seus ambientes de trabalho.

Entre os serviços disponibilizados nestes centros contam-se a formação e transferência de conhecimento, suporte a provas de conceito, teste e portabilidade de aplicações, assim como desenvolvimento e teste de soluções comerciais verticais

Os centros servirão ainda de base ao desenvolvimento de novas iniciativas tecnológicas, como por exemplo o programa piloto da tecnologia de virtualização da Intel que funciona sobre o Fedora Core 5 e Red Hat Enterprise Linux 5.

Notícias Relacionadas:

2004-11-24 - Intel distribui kit para facilitar instalação do Linux a fabricantes asiáticos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.