Depois de se unir à Microsoft no acordo para a interoperabilidade de sistemas, a Linspire assume que uma das suas próximas tarefas é trabalhar na interoperabilidade entre os formatos Open Document Format e o Open XML da Microsoft.




A empresa admite juntar esforços às parceiras open-source da companhia de Bill Gates, Xandros e Novell, de forma a criar um tradutor bidireccional para formatos de documentos de processadores de texto, folhas de cálculo e apresentações.




De acordo com os projectos da Linspire, os futuros lançamentos da empresa já terão embutidos os conversores de formatos bidireccionais entre ODF e Open XML.




Com este melhoramento os utilizadores poderão trabalhar livremente e partilhar ficheiros de forma mais eficaz, sem se preocuparem com os problemas de compatibilidade entre os dois formatos.




Kevin Carmony, CEO da Linspire, afirma que para que o Linux seja aceite para além do segmento de servidores deverá interoperar com aquilo a que chamou "o ecossistema de computação para desktop". Para isso, o responsável acredita que será fundamental "estabelecer a interoperabilidade com os documentos Microsoft Office".




Apresentado como o formato por defeito do Office 2007, o Open XML foi a resposta da Microsoft ao ODF. O Open XML está actualmente em análise pelo comité ISO/IEC JTC1. O organismo analisa o pedido da empresa que pretende ver a sua tecnologia aceite como uma norma, um processo que tem sido fortemente contestado pelos apoiantes do movimento open source, já que o ODF é já um formato normalizado.




Notícias Relacionadas:

2007-06-14 - Microsoft reforça acordos no mundo Linux através de parceria com a Linspire

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.