No primeiro dia em que esteve disponível, a loja de aplicações para sistemas Mac suportou o download de um milhão de aplicações, divulgou a Apple.



A Mac App Store foi inaugurada ontem. Para já está apenas disponível para utilizadores da versão 10.6 do sistema operativo da fabricante (a Snow Leopard), através de uma actualização de software. Quando for lançada, a versão Lion do software (ou 10.7) também irá suportar a loja.



Estão disponíveis para download, nesta fase de arranque do serviço, cerca de mil aplicações.



"Estamos fascinados com a incrível resposta que a Mac App Store está a receber", diz Steve Jobs, presidente da empresa, citado em comunicado. "Os utilizadores estão a adorar a forma simples e divertida como funciona a loja, assegura o número um da Apple.



Mas nas últimas 24 horas a Mac App Store foi notícia mais vezes, também por motivos menos do agrado da empresa. Logo no primeiro dia de vida, a plataforma foi hackada por um grupo que se auto-designa por Hackulous.



O grupo reclama ter desenvolvido um programa que permite contornar a tecnologia de protecção à cópia das aplicações disponibilizadas na loja. O programa, Kickback, não foi no entanto disponibilizado ainda.



O grupo garantiu à BBC que vai deixar a loja rechear-se de aplicações para tornar pública a fórmula que permitirá o acesso não autorizado aos programas lá comercializados. O grupo também assegura ter conseguido encontrar uma forma de aceder a algumas aplicações pagas, sem pagar.



A Apple ainda não comentou as notícias que dão conta da primeira iniciativa bem sucedida para contornar os mecanismos de segurança da loja.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.