O Windows 7 Starter edition já não vai limitar o utilizador a correr apenas três aplicações de cada vez. A versão do novo sistema operativo da Microsoft para netbooks estava a ser criticada por este constrangimento.

De acordo com informação publicada no blog do Windows, a Microsoft garante que os utilizadores vão poder abrir as aplicações que quiserem. Segundo escreve Brandon LeBlanc, o feedback recebido de parceiros e clientes que queriam uma experiência mais rica nos netbooks, a Microsoft decidiu repensar este limite que existia em versão Starter de sistemas operativos anteriores, como o XP e Vista.

O limite a 3 aplicações abertas em simultâneo no PC excluía processos a correr em background, com o aplicações anti-vírus, ligações wireless e Bluetooth ou ferramentas de sistema, como o Explorer e o Control Panel. Mas só seria possível ter aberto o Word, o Outlook e o Internet Explorer, estando vedada a abertura de qualquer outra aplicação em simultâneo.

As versões Starter estavam até agora limitadas a países emergentes e com um alcance geográfico limitado, uma política que muda com o Windows 7 Starter Edition.

Mas, no mesmo blog, Brandon LeBlanc lembra que nesta versão do Windows 7 não serão integradas todas as funcionalidades do novo sistema operativo e que os donos de netbooks poderão optar pelo Windows 7 Home Premium para terem uma experiência mais completa.

Entre a lista de features que não estão contempladas no Windows 7 Starter contam-se o Aero Glass, a personalização, a possibilidade de mudar de utilizador sem fazer log-off, o suporte a vários monitores em simultâneo, a leitura de DVDs e o Windows Media Center, para além do Modo XP que permite correr aplicações desenhadas para Windows XP no Windows 7.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.