Está oficialmente apresentado o Lync, a nova geração do software Office Communications Server da Microsoft que, além de renomeado, surge com funcionalidades acrescidas, com o objectivo de "mudar a forma como as empresas comunicam".

Integrando recursos de voz, de presença, instant messaging e conferência áudio, vídeo e Web, a nova plataforma de comunicações unificadas é lançada comercialmente no próximo dia 1 de Dezembro, em 150 países, disponibilizada em 38 línguas.

O software terá duas versões uma para ter "dentro de casa" e outra na nuvem. "Queremos oferecer a tecnologia aos nossos clientes nos termos que preferirem", referiu Chris Capossela, da Microsoft, durante a apresentação do novo produto.

A partir de hoje já é possível fazer o download de uma versão de avaliação, mas o produto só estará oficialmente disponível a partir de 1 de Dezembro, mesmo para os clientes com licenças de actualização. A versão em cloud computing só surgirá no início de 2011.

Segundo os responsáveis da Microsoft, um dos principais argumentos do Lync relativamente à concorrência é a capacidade de "criar eficiências", especialmente ao nível dos custos de comunicação.

O interface da plataforma não é muito diferente dos programas de instant messaging, sendo que todas as funcionalidades podem ser realizadas clicando nos icons da função - telefonar, enviar sms ou enviar email, por exemplo.

O Microsoft Lync foi desenvolvido para integrar ou mesmo substituir o PBX, "com todos as características e funcionalidades exigidas", o que levou Gurdeep Singh Pall, um dos responsáveis pela equipa de desenvolvimento do produto, a defender que "a era do PBX acabou".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.