A Microsoft pondera a hipótese de licenciar tecnologia da Xbox para outros fins que não os jogos ou para outras indústrias, como forma de rentabilizar o investimento naquela área e multiplicar as fontes de receitas.



A confirmação foi feita por Kazushi Okabe, porta voz da companhia no Japão, que não adiantou grandes pormenores sobre a forma como a Microsoft poderá licenciar a tecnologia, dizendo apenas que, a fazê-lo, a empresa irá partir do software básico da consola.



O mesmo responsável explicou que esta não é uma estratégia desconhecida para a fabricante de software americana que já optou por um modelo idêntico para distribuir software no mercado asiático de consumo, estabelecendo acordos com vários fabricantes locais, lembrou Okabe em declarações citadas pela Reuters.



A nova geração da Xbox, apresentada na primavera, chega ao mercado antes do final do ano e irá ser comercializada com o nome de Xbox 360. A nova versão da consola representa mais um esforço da Microsoft para retirar a liderança do mercado de consolas à Sony.



A PlayStation 3, por seu lado, aposta num chip desenvolvido em parceria com a IBM e Toshiba para se diferenciar da concorrência e melhorar significativamente a qualidade da sua oferta na velocidade e grafismo. Também neste caso, o Cell não será uma exclusividade para a marca, mas uma plataforma desenhada com horizontes mais largos, a pensar na electrónica de consumo. Recorde-se que a PlayStation3 só chega às lojas no próximo ano.



Notícias Relacionadas:

2005-05-17 - Sony remete lançamento da PlayStation 3 para 2006
2005-05-13 - MTV revela detalhes da nova consola da Microsoft


2004-11-29 - Novo processador para electrónica de consumo detalhado no 1º trimestre de 2005

2003-04-22 - Sony aposta em processador Cell para a nova PlayStation 3

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.