A Microsoft está a trabalhar num novo projecto denominado Midori que, ao que tudo indica, consiste num sistema operativo web-based que elimina a dependência de aplicações locais, como acontece no caso do Windows.



Inicialmente tido como um rumor, o Midori já foi confirmado pela Microsoft, embora a empresa não avance qualquer detalhe técnico acerca do sistema operativo.



Contudo, informações publicadas ontem no SD Times revelam que o sistema operativo se baseia no micro-kernel Singularity e que o seu desenvolvimento está a cargo de uma equipa liderada por Eric Rudder.



A mesma fonte indica que o Midori integra elementos do sistema operativo Cairo, baseado em Windows NT e candidato a substituto do XP, assim como do Windows Future Storage (WinFS), um sistema de arquivos que seria implementado a partir da versão Windows Vista mas que, dados alguns problemas encontrados no seu desenvolvimento, acabou por ver a sua implementação adiada.



O Midori distribuirá aplicações a partir dos nós da rede e introduzirá uma camada aplicacional de alto nível agnóstica em relação ao hardware. Este sistema operativo será concebido para correr directamente em hardware nativo e para ser armazenado sob a tecnologia de virtualização Windows Hyper-V.



Notícias Relacionadas:

2008-07-25 - Microsoft investe 300 milhões de dólares na promoção do Vista

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.