Nem só de telemóveis se faz a aposta da Huawei na mobilidade e a linha MateBook, lançada no ano passado, tem agora um novo modelo, o MateBook X Pro, que acaba de ser anunciado em Barcelona. No pacote de novidades da marca há também novos tablets MediaPad, com destaque para uma versão Pro do MediaPad M5, e um router 5G.

"No ano passado vendemos mais de 153 milhões de telefones, aumentámos a receita em 30% e conseguimos uma brand awareness de 85%" contabilizou Richard Yu na abertura da conferência no Mobile World Congress.

Enquanto faz um compasso de espera para lançamento do Huawei P20, a nova geração da linha P, que está marcada para o final do mês de março, as atenções da Huawei centram-se num novo notebook, mais profissional, com um ecrã maior mas numa solução mais compacta, mais capacidade de bateria e algumas inovações, como uma câmara que “salta” do teclado e um leitor de impressão digital no botão de power.

tek matebook x pro

O novo portátil tem um ecrã de 13,9 polegadas em formato 3:2 com FullView touch screen quase sem moldura  o aproveitamento a 91% do espaço do ecrã. Isso levou a algumas alterações, entre as quais a mudança da câmara fotográfica para o teclado, num modelo de pop up que é bastante surpreendente e inovador. O chassi é de metal e o portátil só pesa 1,33 Kg. Por dentro estão processadores Intel, entre Core i5 e Core i7 de última geração que é 40% mais rápido.

A comparação inevitável com o MacBook Pro mostra que a Huawei conseguiu fazer o MateBook X Pro mais fino, com 14,6 mm de espessura no ponto mais grosso, chegando aos 4,99 milímetros. Para isso teve de fazer alguns ajustes, entre os quais está a inclusão de um novo sistema de refrigeração, que a Huawei chamou "shark fin". Mas não abdicou de duas portas USB C e de uma entrada para auriculares.

Através de uma parceria com a Microsoft a Huawei desenvolveu também algumas funcionalidades que para já são únicas no MateBook X, que designou como Microsoft Optimized for Huawei. Conforme foi explicado na conferência, agora o MateBook tem a possibilidade de traduzir mesmo em offline, e a Cortana pode juntar-se À conversa se for desafiada com a frase "Hey Cortana join the conversation".

O MateBook X Pro vai começar a ser vendido no segundo trimestre mas só em alguns países. Portugal não está na lista.

Os preços variam entre os 1.499 euros e os 1.899 euros para a versão mais cara.

Novos tablets para entretenimento e jogos

Os novos MediaPad M5 trazem também novidades a este segmento, e prova que quem vaticinou a morte dos tablets falou cedo demais. A Huawei está a apostar em modelos elegantes, com capacidades multimédia reforçadas para quem quer ver vídeos e séries. Nos novos modelos de 8,4 e 10,8 polegadas há ecrãs de vidro 2,5D, com qualidade 2K, e altifalantes estéreo Harman Kardon. Conte ainda com aúdio 3D e Hi-Res para os sons que vale mesmo a pena ouvir bem alto.

Mais interessante ainda para quem quer juntar a produtividade é o MediaPad M5 Pro de 10,8 polegadas, que inclui uma caneta M-Pen de alta precisão com 4.096 níveis de sensibilidade. Desenhar, ou simplesmente rabiscar e tirar notas, é fácil e agradável.

Há versões 4G puras e Wi-Fi, com diferentes capacidades de armazenamento. Os preços começam nos 349 euros e chegam aos 549 euros nos Media Pad M5, enquanto na versão Pro começam nos 499 euros para a versão wi-fi com 64G e vão até aos 599 na versão LTE com 128 GB.

Nota da redação: A notícia foi atualizada durante a conferência de imprensa da Huawei. Última atualização às 21h24

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.