A Fujifilm anunciou o seu novo modelo da série instax, aquela que chama de câmara híbrida: um sistema de fotografia digital que os utilizadores podem optar por imprimir instantaneamente, para guardar recordações únicas ou partilhar. No entanto, ao contrário dos habituais modelos da série, mais apelativos a um público mais jovem, a instax mini Evo apresenta-se como um produto topo de gama, invocando um design retro, que vai chegar ao Japão no dia 3 de dezembro e um pouco mais tarde ao mercado global.

A marca diz que nesta câmara híbrida, os utilizadores podem rever as fotos captadas no equipamento através do seu ecrã LCD na traseira do equipamento e escolher quais as fotografias que quer imprimir. Este tem sido o segredo da marca, mas a fabricante vai mais longe com a mini Evo, ao adicionar mais funções avançadas e aplicações para impressões com ainda mais qualidade, afirma.

Veja na galeria imagens da câmara fotográfica:

A Fujifilm diz que tem 100 combinações de efeitos para utilizar nas suas impressões. Estas combinações são geradas através de 10 efeitos principais das películas, incluindo o monocromático e retro. A resolução de exposição foi dobrada, em relação aos modelos anteriores, de forma a se obter uma excelente qualidade de impressão.

Mas o que a câmara oferece de diferenciador é a sensação de toque clássica, sendo a primeira instax equipada com uma “alavanca” de impressão e outra de efeitos, assim como uma lente com rotação. Os utilizadores podem rodar os respetivos mecanismos para escolher os efeitos aplicados nas fotos e puxar a alavanca para imprimir, naquela que diz ser a diversão de criar artes fotográficas através de operações analógicas.

A fabricante vai lançar um modelo “Stone Gray”, com um corpo cinzento, reforçado com tons de prata metálica, que lhe dá um ar mais luxuoso, diz a empresa. Quando ao preço foi revelado que custa 199,95 dólares.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.