A Microsoft vai lançar no Verão uma nova versão do seu browser de Internet. Esta versão beta do Internet Explorer 7 apresentará melhorias ao nível da segurança, sobretudo nas questões relacionadas com vírus, spyware e phishing, anunciou Bill Gates na conferência RSA, um evento dedicado precisamente à segurança, que acontece nos Estados Unidos.



A actualização será disponibilizada antes da grande revisão ao Windows, agendada para o próximo ano e que dará origem a um novo sistema operativo, com o nome de código Longhorn.



Justificando a decisão, Bill Gates admitiu que o browser da Microsoft "é hoje um ponto de vulnerabilidade", razão pela qual a empresa decidiu antecipar uma nova actualização de fundo.



Ao nível do phishing, por exemplo, a nova versão do browser será mais eficaz na detecção de técnicas frequentemente utilizadas, como links que apontam para endereços de Internet numéricos ou outras. Outra das novidades passa pela introdução de um mecanismo tipo blacklists que identifica e bloqueia URLs suspeitos.



De acordo com a C|Net, que cita fontes da Microsoft, está ainda por decidir a forma de distribuição deste update, que poderá vir a ser empacotado como um Service Pack3. Também não é conhecida a data de lançamento da versão definitiva, que sucede a versão beta prevista para o Verão, mas é certo que a actualização apenas vai estar disponível para máquinas com Windows XP Service Pack2.



A notícia de uma actualização do IE de forma isolada e antes da revisão ao Windows acaba por ser uma surpresa, já que a empresa afirmava não pretender fazer novas actualizações de fundo depois de lançar o Service Pack2 e antes do Longhorn.



Esta alteração de estratégia é vista como uma resposta às queixas dos utilizadores relativamente às questões de segurança envolvendo o IE, mas sobretudo como uma reacção ao sucesso do Firefox, o browser da associação open source Mozilla.



No mesmo discurso Bill Gates anunciou ainda que a ferramenta desenvolvida pela Microsoft de combate ao spyware, disponível em versão beta desde o mês passado, vai ser gratuita.



Notícias Relacionadas:

2005-01-10 - Novos exploits para vulnerabilidades do IE agravam problemas de segurança

2004-07-08 - Solução da Microsoft para falhas no Explorer mantém pontos vulneráveis

2003-08-21 - Microsoft alerta para três falhas críticas no Internet Explorer e Windows

2003-07-24 - Microsoft alerta para falha crítica no Windows que envolve o DirectX


2002-06-12 - Descobertas falhas de segurança no IE e software de messaging da Microsoft

2001-04-02 - Mais uma falha de segurança no Internet Explorer

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.