Ao contrário do que havia anunciado na semana passada, a Microsoft disponibiliza hoje apenas quatro patches de segurança este mês, ao invés dos oito previstos. As correcções destinam-se a falhas na suite Office e no Windows, sendo duas das actualizações consideradas críticas, diz a empresa no seu site.



As restantes vulnerabilidades detectadas no Visual Studio, Windows e Office deixaram de ter prioridade, pelo que, as suas correcções, previstas também para hoje, serão disponibilizadas em futuras actualizações da Microsoft.



O recuo da empresa, no que diz respeito aos updates deste mês, foi justificado pela fabricante norte-americana que alega a existência de vários factores que podem ter impacto no lançamento das actualizações, o que pode levar ao retrocesso das decisões anteriores à disponibilização dos patches.



Ainda não foram fornecidos detalhes acerca dos erros específicos a que cada boletim se destina. Como tal, sabe-se que as falhas de segurança que ficam por corrigir estarão, por enquanto, em aberto e poderão continuar a ser exploradas.

Notícias Relacionadas:

2007-01-05 - Microsoft disponibiliza oito boletins de segurança em Janeiro

2006-12-26 - Falha de segurança grave afecta nova versão do sistema operativo da Microsoft

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.