A AMD vai antecipar para Junho o lançamento do primeiro processador do seu portfólio com 12 núcleos de processamento. Os novos modelos, conhecidos até agora pelo nome de código Istanbul, vêm actualizar a família de processadores Opteron e serão o primeiro resultado do trabalho da nova Global Foundries, um spin-off da empresa para a produção de chips em parceria.

Os responsáveis da AMD também anunciaram que no próximo ano chegam ao mercado duas novas séries Opteron, 6000 e 4000, desenhadas para suportar as plataformas Maranello e San Marino, respectivamente. Ambas chegarão ao mercado com tecnologia de 45 nanómetros, para no ano seguinte evoluírem para os 32 nanómetros. No caso dos Opteron da série 6000 a AMD sublinha ainda que esta começará por funcionar sobre os chips Magny-Cours de 8 a 12 cores e evoluirá para os Interlagos de 12 a 16 núcleos de processamento.

No caso da série 4000, o roadmap da fabricante indica que na versão de 45 nanómetros a série integrará modelos de 4 a 6 cores, em chips que têm o nome de código Lisboa e 6 a 8 cores depois da evolução para os 32 nanómetros, relata o VnuNet.

2010 será também o ano em que a fabricante lança uma nova versão da Direct Connect Architecture, usada nos chips Opteron. Este upgrade vai trazer algumas novidades, entre elas aumentar o número de máquinas virtuais que é possível correr em cada servidor.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.