Chama-se StringZ HD, é a primeira produção da portuguesa Wingz Studio, uma jovem empresa de Coimbra, e tem vindo a conquistar adeptos entre os utilizadores do iPad. A versão gratuita acaba de ser disponibilizada.

O jogo tem por protagonista o "Z", um alienígena azul de um único dente que ficou preso num acidente espacial, enquanto explorava a sua galáxia. A missão será guiar este pequeno e curioso ser de regresso à sua nave espacial, utilizando uma sequência correta de cordas e elásticos.

Entretanto é aconselhável recolher tantas estrelas quanto possível para desbloquear novos planetas, que trarão novos níveis.

Aos olhos dos seus criadores, o StringZ tem tudo para vingar no cada vez mais apetecível mercado das aplicações para dispositivos móveis. "Aceitação tem sido excelente. Está a superar todas as expectativas. E estamos orgulhosos de ter conseguido fazer um jogo 100% com recursos nacionais", nota com entusiasmo João Ferrand, designer gráfico, um dos fundadores da Wingz Studio , em parceria com Bruno Antunes (programador) e João Melo (produção).

O Stringz HD chegou à App Store a 13 de outubro, e esteve no Top 5 dos Jogos mais vendidos em Portugal. Entretanto acaba de conhecer uma versão gratuita, "de demonstração, para cativar o mercado internacional em força", que também tem tido sucesso.
"Não posso falar de números, porque esse é um dos nossos segredos mais bem guardados, mas posso dizer que já são muitos milhares os jogadores do Stringz HD", adiantou ao TeK.

[caption][/caption]

"Temos muita gente a jogar em todo o mundo", refere João Ferrand, adiantando que depois de Portugal, os países onde mais gente fez o download do jogo foram a China, os Estados Unidos, França, Reino Unido, Japão e México, "e atingimos o Top 100 dos jogos mais vendidos nas App Stores de outros 35 países".

De acordo com o responsável, um dos principais argumentos do jogo é o facto de permitir diversas soluções para cada nível, além de não ser fácil. "Experimentem apanhar as três estrelas em todos os níveis", desafia. O preço também é convidativo, 1,5 euros.

Depois do iPad, a Wingz Studio está agora a preparar a versão iPhone do Stringz HD, "que sairá muito em breve", a que se seguirá a versão para a plataforma Android.

"O ponto forte deste jogo é ter sido desenvolvido apenas por três pessoas a remarem contra a corrente gigantesca da indústria de jogos Internacional, 'gentes' que já andam nisto há muitos anos, e que podem potenciar as suas máquinas de marketing, porque têm milhões de euros para se autofinanciarem", remata João Ferrand. "Nós partimos de uns desenhos feitos numa mesa de café e o financiamento foi todo intelectual". É o chamado "capital intelectual".

Veja o vídeo de demonstração.

Patrícia Calé

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.