A IBM continua a liderar o mercado norte-americano de servidores, mas no sector mais lucrativo desse mercado, o dos servidores Unix, a quota da Sun Microsystems aumentou subitamente entre o primeiro trimestre de 2001 e os primeiros três meses de 2002, de acordo com os últimos números da Gartner.



No mercado Unix, a Sun ganhou 3,3 por cento, aumentando para os 54 por cento a sua parte de mercado, face aos 50,7 por cento verificados no ano passado, classificando-se no lugar cimeiro. A actual ocupante do terceiro lugar IBM perdeu 4,1 por cento, baixando dos 21,3 por cento para os 17,2 por cento.



Os servidores Unix foram responsáveis por cerca de 40 por cento do total de 4,3 mil milhões de dólares (4,7 mil milhões de euros) em que o mercado norte-americano de servidores foi avaliado no primeiro trimestre. Sendo o maior segmento desse mesmo mercado, é verdade que ainda está a sofrer com a recessão, verificando-se uma diminuição das vendas de 5,3 por cento, que passaram dos 1,8 mil milhões do primeiro trimestre de 2001 (1,9 mil milhões de euros), para os 1,7 mil milhões de dólares (ou 1,8 mil milhões de euros) deste último trimestre, afirmou a Gartner.



Segundo os dados desta empresa de estudos de mercado, a Hewlett-Packard, fabricante número dois em servidores Unix, ganhou quase tanta quota de mercado como a Sun, crescendo 3,2 por cento dos 16,6 por cento para os 19,8 por cento. Esse ganho será contudo diluído nos próximos trimestres: uma vez que a Compaq, classificada em quarto lugar, cujos servidores Unix serão descontinuados a longo prazo em resultado da fusão com a HP, baixou 1,8 por cento dos 4,7 por cento para os 2,9 por cento.



Mas a IBM pode retirar algum consolo dos valores gerais do mercado, assim como das vendas em duas categorias de máquinas de "entrada de gama", os servidores equipados com o sistema operativo Linux e processadores Intel.



Os servidores Intel, um mercado avaliado em 1,5 mil milhões de dólares no primeiro trimestre (ou 1,6 mil milhões de euros), a IBM - classificada em terceiro lugar - ganhou 2,6 por cento, passando a deter 10,2 por cento da quota do mercado. A número um Dell Computer perdeu 2 por cento, passando a deter 27,5 por cento do mercado.



Nos servidores Linux, a IBM transferiu-se para o primeiro lugar, crescendo 19 por cento para os 34,4 por cento de um mercado cujo valor está avaliado em 236 millhões de dólares (259 milhões de euros). Enquanto a maioria dos sectores do mercado de servidores viram os seus valores diminuírem, as vendas de servidores Linux aumentaram 78,9 por cento, indica a Gartner.



A IBM manteve a sua posição cimeira no mercado geral de servidores, elevando a sua quota em 1,3 por cento para os 29,3 por cento. O sucesso da Sun nos servidores Unix valeu-lhe, contudo, um ganho de 2,2 por cento, para os 23,6 por cento.



Notícias Relacionadas:

2002-04-08 - IBM luta por quota de mercado nos servidores Unix

2002-03-20 - IBM revela novo servidor mainframe de gama de entrada equipado com Linux

2002-02-08 - Sun prepara-se para lançar novos servidores Linux de gama baixa

2002-01-25 - IBM aposta no lançamento de mainframes Linux

2001-01-18 - Sun com nova linha de servidores

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.