O mercado mundial de chips cresceu 11,5 por cento em Julho deste ano, com o volume de vendas a totalizar 20,1 mil milhões de dólares, avançou a Associação Industrial de Semicondutores (SIA).


Os valores apresentados pela organização revelam que o aumento das vendas deve-se em parte à forte procura de chips registada nos mercados norte-americano e asiático.


Comparativamente a Junho deste ano o sector cresceu 1,8 por cento, já que no final do primeiro semestre de 2006 o mercado mundial de chips fixava-se nos 19,8 mil milhões de dólares em vendas, refere a SIA.


Foi no continente americano que se registou um maior aumento no número de vendas mensais de chips - cerca de 18 por cento - , face ao mesmo período do ano passado, seguindo-se a região Ásia-Pacífico, com um crescimento de 13,4 por cento e o Japão (8 por cento). O continente europeu ocupa o quarto lugar do ranking com um aumento de 4 por cento no volume de vendas, refere a SIA.


A entidade associa o crescimento do sector à queda nos preços dos chips, que acaba por se reflectir no custo final de gadgets, computadores, entre outros dispositivos.


Em comunicado a SIA refere que "o preço médio dos PC diminuiu aproximadamente 7 por cento face ao ano passado" e que "40 por cento de todos os chips foram vendidos dentro de computadores".

Notícias Relacionadas:

2006-08-14 - Mercado de semicondutores IP valerá 2,7 mil milhões de dólares em 2010

2001-06-20 - Indústria de semicondutores cai 21% em 2001

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.