A Microsoft até já tem disponível uma versão de testes do Windows 10, mas continua a ser “assombrada” pela versão do sistema operativo que foi lançado em 2001. O Windows XP continua a ter bastante peso para a empresa, tanto na quota de mercado como ao nível do tráfego de Internet gerado, mas em novembro o destaque foi outro: pela primeira vez o Windows 8.1 conseguiu ultrapassar o já “abandonado” XP.



Os valores dizem respeito à utilização de Internet associada a cada sistema operativo. Apesar de a diferença ser residual, marca um ponto de viragem: o Windows 8.1 foi responsável por 10,95% do tráfego de Internet em novembro, enquanto o XP ficou-se pelos 10,69%.






Quem continua “rei e senhor” é o Windows 7 que sozinho representa metade do tráfego de Internet gerado a nível mundial. E assim vai continuar: de acordo com o comunicado da StatCounter mesmo que o Windows 8.1 mantenha a trajetória ascendente que tem sido registada, dificilmente vai conseguir ultrapassar o Windows 7 antes que o Windows 10 seja lançado já em 2015.



Os valores apresentados pela StatCounter mostram ainda que o Mac OS X é responsável por mais de 8% da taxa de utilização da Internet a nível mundial, enquanto o iOS surge logo atrás com 6,6%.



Mas falar de taxa de utilização de Internet é diferente de falar de quota de mercado. Analisando outros valores, os da NetApplications, o Windows XP continua à frente do Windows 8.1: o primeiro tem uma quota de 13,57%, enquanto o segundo apresenta uma base instalada de 12,1%.



Destaque ainda para os 6,55% de computadores que ainda usam Windows 8, o que mostra a preferência de alguns utilizadores em não avançar no sistema operativo, mesmo a atualização sendo gratuita.

[caption]NetApplications[/caption]

Sempre na frente, o Windows 7 apresenta-se com uma quota de 53,71%.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.