Chega hoje ao fim o reinado do Windows XP. A Microsoft deixa assim de distribuir o sistema operativo e passa a canalizar as atenções apenas para os seus sucessores, o Vista e o futuro Windows 7.



A decisão da fabricante vai contra a vontade dos utilizadores que continuam a aderir à petição pela "salvação" do XP, pelo menos até à data de lançamento do próximo sistema operativo, que, pelas contas da Microsoft, deverá chegar ao mercado em 2009 ou no início de 2010.



Mesmo assim, a empresa afirma que vai continuar a permitir que os pequenos fabricantes continuem a adquirir o XP para revenda até Janeiro e que uma versão do sistema operativo - XP Home e XP Starter - continue activa para equipamentos de baixo custo, como é o caso do Eee PC da Asus.



Outro pormenor nesta nova etapa é o suporte ao XP. Segundo a Microsoft, mesmo descontinuando a venda do sistema operativo, o apoio técnico ao software manter-se-á por mais algum tempo. Ao contrário do que estava inicialmente previsto, o suporte será alargado até 2014 ao invés de terminar já no próximo ano.



Notícias Relacionadas:

2008-01-16 - Milhares de utilizadores assinam petição contra a retirada do XP do mercado

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.