A empresa discográfica revelou que os videoclips de alguns dos seus artistas serão incluídos no leitor de MP3 da Microsoft, que será lançado no mercado no final deste ano.



O anúncio da EMI vem contrariar informações veiculadas na imprensa internacional que tem vindo a especular acerca de um possível atraso no lançamento do dispositivo devido à capacidade de reprodução de vídeo do Zune.



De acordo com a Reuters, fontes da EMI que já tiveram a oportunidade de ver o leitor de MP3 da Microsoft, revelam que as capacidades wireless e de partilha de ficheiros entre utilizadores são os principais factores diferenciadores entre Zune e iPod, a linha de leitores da Apple, que actualmente lidera o mercado.



Jeff Kempler, vice presidente executivo da EMI, revelou à Reuters que "a Apple tem sido um parceiro importante no mercado de música digital, mas as novas entradas no sector são boas notícias para artistas e indústria".



Actualmente o iPod conta mais de metade do mercado de leitores de MP3 norte-americano, enquanto que, o serviço de música online Apple iTunes, detém mais de 70 por cento da quota de mercado de venda de música digital nos Estados Unidos.



A EMI é a terceira maior editora discográfica do mundo. A assinatura deste acordo com a Microsoft revela as preocupações da empresa de Bill Gates com a criação de uma oferta capaz de discutir com a Apple a liderança do mercado de música digital.

Notícias Relacionadas:

2006-07-28 - Microsoft centra estratégia nos Serviços Web

2006-07-24- Primeiro leitor de música digital da Microsoft chega às lojas ainda este ano

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.