A Internet entrou definitivamente nos hábitos dos portugueses. Quem o confirma é a Havas Digital, num estudo que aponta os fins-de-semana como período privilegiado para o acesso à rede, revelando uma proveniência crescente do acesso a partir de casa. De acordo com o documento, 70 por cento dos portugueses acedia à Internet diariamente, contra 52 por cento em 2006.

A empresa defende que o sucesso das redes sociais e dos serviços de entretenimento alteraram os hábitos de utilização de Internet no país ao longo dos últimos dois anos e aponta para os dados obtidos: em 2008 mais de metade dos portugueses usava serviços como o Hi5, MySpace ou YouTube, número que compara com uma utilização de apenas 28 por cento da população em 2006.

A par com a utilização destes serviços aumentou de forma significativa ao longo dos últimos dois anos o interesse por serviços como blogs, chats ou downloads de música.

Os dados mostram que 92 por cento dos utilizadores procura entretenimento, 84 por cento procura informação, 40 por cento também acede por razões profissionais e 39 por cento por razões didáticas. Entre estes, o entretenimento foi aquele que ganhou maior expressão face à pesquisa realizada em 2006, altura em que era pretexto de navegação online para 76 por cento dos inquiridos. A liderança desta área de interesse é visível quer na faixa etária entre os 12 e os 24 anos, quer no grupo entre os 25 e os 44 anos.

Nos serviços usados no PC o estudo destaca o email como aplicação mais relevante, a que recorrem 90 por cento dos inquiridos. A pesquisa de informação e a utilização de serviços de conversação vêm em segundo e terceiro lugar de preferências.

O estudo foi realizado entre 17 de Outubro e 7 de Novembro, através de 805 entrevistas telefónicas a indivíduos (utilizadores e não utilizadores de Internet) com idades entre os 12 e os 65 anos de ambos os sexos e residentes no continente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.