A autenticação em serviços online através de dois passos é uma prática cada vez mais comum na Internet e em serviços populares, sobretudo de grandes tecnológicas. Além do nome de utilizador e da palavra-passe, o utilizador é obrigado a fazer uma segunda verificação para provar que não é, na realidade, outra pessoa. A introdução de um código enviado por telemóvel é uma das práticas mais recorrentes.



Mas novos métodos estão a surgir e a Aliança FIDO é responsável pela criação de um protocolo – o U2F - que permite usar periféricos como o segundo passo de autenticação, chamados de Security Keys.



A partir de hoje, 21 de outubro, serviços como o Gmail, Google Drive, Google+ e YouTube vão permitir que os utilizadores usem pens USB como formato de segunda autenticação. A informação foi confirmada no blogue oficial da empresa, ligado à área da segurança.



Apesar de funcionar com o serviço Google Accounts, o suporte da tecnologia é assegurada pelo browser Google Chrome. E por este motivo a tecnológica de Mountain View está a convidar outros serviços online e páginas Web a usarem a two-step verification através de periféricos.



Mas não são as tradicionais pens USB de armazenamento que são compatíveis. Precisam de ser pens que suportem o protocolo FIDO e que podem ser encontradas nas grandes lojas online: por exemplo, na Amazon.



A Google explica que no seu caso a pen USB vai fazer uma verificação da autenticidade do site – para perceber se não é uma página falsa criada por crackers. Depois quando for pedido, os utilizadores devem carregar no botão que está incluído na pen.



Como explica o The Verge, outras grandes empresas como a Samsung e a PayPal também estão a trabalhar para suportarem autenticação em dois passos através de periféricos. A FIDO Alliance conta ainda com nomes como a BlackBerry, Microsoft e MasterCard.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.