A Mozilla decidiu bloquear na sexta-feira dois plug-ins da Microsoft para o seu Firefox, devido a questões de segurança. Se um dos problemas acabou por ser resolvido durante o fim-de-semana, o outro continua pendente.

Uma das situações diz respeito a um plug-in denominado ".Net Framework Assistant" e permitia que permite que o Firefox use a tecnologia ClickOnce da Microsoft para instalar aplicações que corram em .Net.

Este add-on instalou-se automaticamente via Windows Update com o .Net Framework 3.5 Service Pack 1 sem avisar ou oferecer qualquer opção aos utilizadores do browser da Mozilla e depois revelou-se incompatível com o Firefox 3.5.

Removê-lo exigia o acesso ao Windows Registry, uma tarefa tecnicamente onerosa para a maior parte das pessoas, por isso a Mozzila decidiu desactivar o plug-in através do seu mecanismo de blocklisting.

Entretanto a empresa confirmou junto da Microsoft que o .NET Framework Assistant não era explorável e o mesmo foi removido da lista.

Ainda bloqueado continua o plug-in Windows Presentation Foundation, igualmente instalado sem consentimento dos utilizadores via Windows Update com a actualização .NET Framework 3.5 Service Pack 1, que torna o browser vulnerável a ataques.

Via Twitter, Mike Shaver, vice-presidente da área de engenharia da Mozilla, citado pela , prometia para breve a resolução da questão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.