A Adobe apresentou um novo software para criação e publicação de conteúdos multimédia, que promete dotar "não-profissionais" de uma ferramenta simples e "all-in-one" (tudo em um) para criar documentos que podem incluir gráficos, texto, fotografias, áudio, vídeo, animação e interactividade.

A aplicação, designada Project Rome, poderá ser usada tanto como um software baseado na Web, com acesso a partir do browser, como descarregada para o computador e usada como uma aplicação de desktop (integrada no Adobe Air).

O software, dirigido a consumidores, pequenas empresas e à Educação, vai permitir a produção de documentos destinados a impressão, como panfletos, cartões de visita ou convites, mas também de sites (simples), apresentações, publicidade online, álbuns digitais e animações, destinados tanto ao uso num contexto de trabalho como familiar. Os professores podem ainda contar com uma versão do programa destinada à utilização em sala de aula.

A publicação dos ficheiros será assegurada tanto pela partilha online através do Acrobat.com, Google Apps ou do Projecto Rome Template Exchange, como através da integração com redes sociais como o Facebook, Twitter e Google Buzz, mas não oferece, pelo menos para já, compatibilidade com telemóveis. Os ficheiros poderão ser exportados nos formatos PDF, SWF, JPG, PNG, SVG e FXG ou como ficheiros Web.

A solução, compatível com Windows e Mac, foi apresentada em duas versões, uma para o público em geral e outra destinada a professores e formadores, o Project Rome for Education. Actualmente em versão de teste gratuita, apenas se encontra disponível em inglês e, alegadamente, para utilizadores localizados nos EUA. Apesar disso, o TeK tentou e foi possível experimentar, pelo menos a versão baseada na Web.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.