A Amazon está a preparar o lançamento de uma loja de música online que não usará tecnologias restritivas de protecção aos direitos de autor. A iniciativa contará com a parceria da EMI, que ainda no mês passado acordou com a Apple a venda de músicas sem tecnologias de protecção, demarcando-se da política tradicional das grandes editoras.



A nova loja de música, que abrirá ainda este ano, vai contar com milhões de músicas disponibilizadas em formato MP3, o que garantirá aos utilizadores a possibilidade de ouvirem as faixas adquiridas em qualquer equipamento de leitura.



"A nossa estratégia de exclusividade relativamente ao formato MP3 significa que toda a música adquirida pelos nossos clientes será livre de DRM e pode tocar em qualquer dispositivo", confirma Jeff Bezos, CEO da loja online, em declarações citadas pela Reuters.



O MP3 tem sido um formato banido das lojas de música online por não garantir o nível de restrições que a indústria tem obrigado os promotores de projectos de venda de música online a cumprirem, em troca dos seus conteúdos.



A EMI deu recentemente um passo para mudar esta situação, seguindo uma estratégia que a Virgin e a Fnac também já tinha adoptado, pelo menos para parte dos conteúdos disponíveis.



Concorrentes como a Warner Music ou a Vivendi Universal garantem estar também a testar sistemas de distribuição de música online livres de DRM, mas para já não adiantam mais pormenores sobre o assunto.



Notícias Relacionadas:

2007-04-02 - Apple e EMI acordam venda de música online sem restrições de DRM

2007-01-18 - Fnac e Virgin eliminam tecnologia anti-cópia de 350 mil títulos vendidos online

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.