Foi hoje lançada a versão beta da mais recente versão do browser da Google, o Chrome 4.0.223.16. A sincronização da lista de Favoritos do utilizador, que passa a estar acessível em qualquer computador, é a principal novidade nesta edição - que ainda não estará disponível para Mac OS e Linux.

Esta ferramenta vai permitir que um utilizador do browser, usando a sua conta Google, faça a sincronização das suas listas de Favoritos, passando a poder aceder a estas em todos os computadores em que navegue na Internet utilizando o Chrome, desde que insira os seus dados de conta.

A sincronização dos Favoritos tinha sido introduzida em Agosto, na nova versão do Chrome destinada apenas a programadores. Tida como um dos grandes atractivos do novo browser, vai agora poder ser testada em grande escala e pelo utilizador comum, permitindo avaliar se vai, de facto, funcionar de forma tão simples como a empresa sugere no vídeo de promoção.

A Google acredita que o software está suficientemente estável para ser aberto ao resto da comunidade de internautas, mas por enquanto o navegador ainda só é compatível com ambiente Windows. O Mac será o próximo passo, avança a CNet.

Outra das desvantagens é a inexistência de extensões nesta versão. Apontadas como uma das principais funcionalidades da série 4 do browser da Google, foram desactivadas na versão beta para a empresa poder re-programar o interface que vai permitir a gestão das mesmas pelos utilizadores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.