O fundador da Microsoft esteve esta quinta-feira a responder a algumas perguntas através do chat do Reddit e admitiu que está preocupado com os desenvolvimentos em torno da inteligência artificial. Bill Gates também frisou que a tecnologia deixa as pessoas mais curiosas e não menos inteligentes.



Foi em 1975 que Bill Gates mudou a sua vida com a criação da Microsoft, empresa à qual dedicou as décadas seguintes. Hoje o empresário de 59 anos está sobretudo ligado a causas humanitárias em países africanos, mas sem nunca deixar de prestar atenção aos desenvolvimentos no mundo da tecnologia e demonstrando até alguma apreensão relativamente ao que a inteligência artificial nos poderá trazer.



"Estou do lado das pessoas que estão preocupadas com a super inteligência", confessou Gates durante um Ask Me Anything, no Reddit. "A inteligência artificial já é capaz o suficiente para ser motivo de preocupação. Eu concordo com o Elon Musk e não entendo como é que há pessoas que não pensam da mesma maneira". Mas apesar de estar ciente dos perigos, Bill Gates afirma que, no fim de contas, será possível "obter grandes benefícios da inteligência artificial para a ciência, educação e a economia".



A água feita a partir de fezes humanas e a dependência pela tecnologia
Um dos mais recentes projetos em que o "pai" da Microsoft esteve envolvido foi no desenvolvimento do Omiprocessor, uma máquina que extrai água potável de fezes humanas. Depois de ter (a)provado o produto final, Gates disse no Reddit que a única diferença para a água normal é que "as pessoas ficam um pouco espantadas com a ideia", mas que o sabor (ou a ausência dele, dado que a água é insípida) é exatamente o mesmo.







Já em relação à dependência pelas tecnologias, o veterano das tecnologias discorda de quem diz que isso afeta a capacidade de raciocínio, já que "a tecnologia não faz as pessoas menos inteligentes". Em vez disso, "permite que as pessoas tenham as dúvidas respondidas de forma mais precisa, por isso elas ficam ainda mais curiosas".




Nota de redação: corrigidas gralhas por indicação dos leitores

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.