O ministro britânico da Cultura, Andy Burnham, está a pensar propor medidas internacionais no controlo aos acessos de Internet. Em entrevista ao The Daily Telegraph, explicou que a meta seria classificar as páginas online da mesma forma que os filmes são catalogados, segundo a idade do público a que os conteúdos se dirigem.

Essa norma seria implementada recorrendo ao apoio do Governo norte-americano, de forma a colocar iguais medidas nas páginas oriundas dos Estados Unidos.

Segundo Andy Burnham, o plano ficaria completo com os operadores de Internet a colaborarem no que se refere à oferta de pacotes de acessos específicos para crianças. Nestes casos, apenas as páginas consideradas adequadas para a idade dos menores seriam acessíveis no acto da navegação.

O ministro explica que o projecto não se trata de censura mas sim de protecção aos menores, no fundo "uma ajuda para a navegação segura".

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.