A utilização da Internet enquanto plataforma de comércio continua a crescer em Portugal, revela um estudo realizado hoje, no qual participam alguns dos maiores sites de e-commerce do país.

Os dados são do Barómetro Acepi/Netsonda e dizem respeito ao terceiro trimestre de 2010, durante o qual 65 por cento dos sites afirma ter visto o número de clientes crescer até 20 por cento. Trinta e sete por cento cresceram entre 0 e 5 por cento. Dez por cento dos serviços referem mesmo ter tido mais de 50 mil clientes no período em análise.

De acordo com os valores avançados, nos últimos três meses deste ano aumentou também (para os 47 por cento) a percentagem de sites que afirma que o seu volume de vendas cresceu até 10 por cento.

Os números "confirmam as potencialidades do e-commerce, enquanto canal privilegiado de venda e em franca expansão no mercado português, apesar da recessão económica", afirmam em comunicado os responsáveis pela análise.

O relatório refere também que a expectativa de que o ritmo de crescimento se mantenha também aumentou. Actualmente 32 por cento dos sites acreditam que o número de vendas vai continuar a aumentar.

Produtos de informática, electrónica/telemóveis e alimentação, bebidas, tabacaria e charutos continuam a ser as categorias mais transaccionadas através da plataforma online, de acordo com a análise baseada nas respostas de sites como o do Continente, Jumbo, Fnac, Miau ou Moviflor.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.