A Coreia do Sul acaba de publicar uma lei que pretende limitar o crescimento do cyber bullying no país. A legislação obriga agora os utilizadores a usarem os nomes reais para se identificarem, fornecendo também o número de segurança social antes de publicarem comentários ou blogs, uma iniciativa que assume o nome de "Internet real-name system".

Os portais de Internet vão também ser obrigados a manter um registo sobre as actividades dos utilizadores, identificados com este sistema, e perante ordem de tribunal terão de divulgar a informação pessoal - como nomes e endereços - de internautas acusados de ciber-pressões sobre outros utilizadores.

De acordo com uma notícia da Agência France Press, o cyber bullying tornou-se uma questão social complicada na Coreia do Sul, onde os utilizadores de Internet tiram partido do anonimato da Internet para publicar artigos e mensagens maldosas, com acusações de escândalos sexuais.

Recentemente duas celebridades da TV e música pop suicidaram-se depois de alegadamente terem sido vitimas de cyber bullying

A Coreia do Sul é um dos países com maior taxa de penetração da Internet, com quase um terço da população a possuir ligações de alta velocidade.

Notícias Relacionadas:

2007-04-10 - Governo britânico responsabiliza ISPs no combate ao cyber bullying

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.