A Microsoft anunciou durante a RSA Conference 2004 (uma das mais prestigiadas conferências mundiais sobre segurança) a criação da Global Infrastructure Alliance for Internet Safety (GIAIS), uma iniciativa que contará com o apoio de vários Internet Service Providers mundiais reunidos num grupo de trabalho que terá como objectivo a construção de uma Internet mais segura.



"O objectivo do GIAIS é garantir aos utilizadores uma experiência mais segura de utilização da Internet, educando-os e protegendo-os contra códigos maliciosos e outros perigos da Internet" explicou no evento Maria Martinez, vice-presidente da Microsoft para a área de Comunicações e Soluções Móveis. Segundo a mesma responsável, a criação deste grupo de trabalho faz parte de um compromisso assumido pela Microsoft de trabalhar com empenho "em todas as suas áreas de negócio e em parceria com outros players da indústria, criando um ambiente de Internet mais seguro para os clientes comuns às empresas envolvidas", acrescenta referindo-se a cerca de 150 milhões de utilizadores.



A partilha de informação entre parceiros é um dos pontos fortes da iniciativa que se dispõe a disponibilizar essa mesma informação aos clientes sob a forma de guias e ferramentas, que auxiliem um maior controle das falhas de segurança no software e nas plataformas de acesso à Internet. Esta circulação de informação é garantida pela criação de pontos de contacto permanentes entre clientes e GIAIS por forma a garantir uma resposta rápida em situações de vírus, explicam as empresas em declarações citadas pelo Telecom Paper.



Embora o anúncio oficial do grupo de trabalho tenha ocorrido apenas durante o evento este está formado e em actividade há já algum tempo. O Mydoom constituiu um dos principais testes à coordenação de esforços entre parceiros, quer melhorando o relacionamento entre si, quer no que diz respeito à disponibilização de informação e orientações para os utilizadores. O trabalho do grupo concentrou-se na definição de características do worm, actividade e comportamento nos ambientes dos vários ISPs, informações posteriormente tratadas e transmitidas aos clientes.



Segundo a Microsoft o desenvolvimento da ferramenta Blaster Cleaner contou também com a colaboração destes parceiros com quem foi mantido "um intenso diálogo". A tecnologia Blaster Cleaner foi já experimentada por oito milhões de utilizadores que limparam e imunizaram os seus computadores às falhas exploradas pelo worm Blaster com este recurso.



Para já, integram o GIAIS nomes como a British Telecom, Chunghwa Telecom, Cox Communications, EarthLink, Korea Telecom, MSN, NTT Communications, Planet Internet, Shaw Communications, TDC, T-Online, TeliaSonera, Tiscali, United Online, Wanadoo e Xtra.



Bill Gates garante que a segurança é uma preocupação a todos os níveis



No mesmo evento Bill Gates, referiu um conjunto de outras iniciativas que estão a ser desenvolvidas pelo gigante do software na área da segurança. Entre as prioridades da Microsoft está "uma redução dramática" dos níveis de spam nos seus sistemas de email com a utilização de melhores tecnologias de autentificação e filtragem que identifiquem os emissores das mensagens num modelo semelhante ao utilizado nas comunicações telefónicas.



Sem avançar prazos o responsável garantiu que a Microsoft está a trabalhar num sistema que permita aos emissores de mensagens legítimos manterem-se longe dos emissores de mensagens de correio não solicitado. Trata-se de uma tecnologia a que a empresa chamou Caller ID for E-Mail que tem vindo a ser trabalhada com a colaboração de alguns parceiros.



O primeiro teste da nova tecnologia será efectuado no serviço de email mais popular do grupo, o Hotmail, estendendo-se posteriormente aos restantes serviços e software.



Bill Gates acrescentou que as preocupações com segurança serão também reforçadas nas próximas actualizações dos seus produtos. O update ao Windows XP será focalizado nos melhoramentos de segurança. O Service Pack 2, que será lançado em meados do ano, irá dispor de controle centralizado do estado de segurança do computador, como informação sobre software antivírus instalado, updates de segurança críticos, etc. o responsável máximo da Microsoft mencionou ainda os melhoramentos ao nível dos firewall.



Notícias Relacionadas:

2003-04-07 - Ameaças de segurança informática aumentam exponencialmente em 2003

2002-01-17 - Segurança e privacidade em primeiro plano na nova estratégia Microsoft


2002-09-27 - Empresas de tecnologia formalizam organização para reforçar segurança na Internet

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.