A empresa de segurança informática WatchGuard identificou quais vão ser os principais alvos dos cibercriminosos no próximo ano. As técnicas de ataque estão cada vez mais variadas, com os piratas informáticos a recorrerem a truques da ‘velha guarda’ e descobrirem novas falhas para roubarem dados, dinheiro e mesmo identidades.

O interesse pelos dispositivos móveis mantém-se alto, o ransomware vai ser uma prática cada vez mais comum e até há espaço para termos menos usados, como o malvertising - malware que se espalha através de anúncios online.

O TeK resume na seguinte galeria as principais tendências para o próximo ano:

O diretor tecnológico da WatchGuard, Corey Nachreiner, deixou em comunicado alguns conselhos. “Para uma melhor defesa, recomendamos que se sigam as melhores práticas de segurança; que se formem os colaboradores das empresas acerca das ameaças e das técnicas de engenharia social utilizadas pelos criminosos, e que se instalem as mais recentes tecnologias de segurança de redes”.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.