Segundo avançou o vice-provedor da instituição, Eduardo Martinho, ao Jornal de Negócios, a Santa Casa formalizou na quarta-feira a constituição do consórcio que vai explorar o jogo online, sob o nome Sociedade de Apostas Sociais.

A licença pedida abrange a exploração de "apostas desportivas à cota, apostas hípicas mútuas e jogos de fortuna ou azar", mas a disponibilização dos diferentes tipos de jogos "não está completamente fechada", acrescentou o responsável.

A ideia de que os novos jogos vêm prejudicar o negócio dos jogos tradicionais é rejeitada por Eduardo Martinho, que alega que “o perfil do utilizador é distinto”.

Os novos jogos em causa “terão natureza e modelos diferenciados, pelo que a convicção é a de que não haverá um impacto negativo na receita dos outros jogos explorados pela Santa Casa, através do seu Departamento de Jogos”.

Nota da Redação: Foi feita uma correção no nome da Sociedade constituída.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.