Um relatório da Comissão Europeia revela que a maioria dos portugueses evita recorrer à Internet no que diz respeitos aos serviços bancários, preferindo deslocar-se às instalações da instituição bancária ou utilizar as caixas Multibanco.

Segundo o relatório, citado pelo Jornal de Negócios, em 2008 apenas 14 por cento dos portugueses interagiram online com o seu banco.

A média da UE a 15 revela que 34 por cento dos clientes bancários se relacionam com o banco através da Internet, quando 16 por cento o faz pelo telefone.

Num estudo sobre os serviços financeiros, o executivo europeu revela ainda que apenas seis por cento dos portugueses fez compras online em 2007, número que compara com uma média de 27,5 por cento na União Europeia a 15 e com os 23,3 por cento na UE a 27.

Um relatório europeu sobre comério electrónico mais recente mostra já uma ligeira evolução. Portugal surge novamente classificado abaixo da média europeia, com apenas 10 por cento da população a fazer compras ou a encomendar produtos online, comparativemente aos 32 por cento.

Os dados do estudo europeu mostravam ainda que a Internet é mais usada para comprar ou encomendar viagens, roupas e material desportivo, bens para a casa e bilhetes para espectáculos, filmes e música e equipamentos electrónicos.

Em Portugal a maior concentração de respostas positivas estava na categoria "todos os bens e serviços", para 10 por cento da população. A categoria com menor número de respostas é a que se refere aos bens para a casa, com apenas um por cento dos portugueses a comprar online, contra 11 por cento dos europeus.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.