Os portugueses usam cada vez mais os serviços de banca online. No primeiro semestre do ano 31,7% da população portuguesa com conta bancária fez uso de um serviço online da entidade com a qual trabalha. O valor representa um crescimento de 0,5 pontos percentuais relativamente ao ano de 2012.

Segundo as contas do estudo Basef Banca da Marktest, 2,26 milhões de portugueses fazem uso de serviços de eBanking. Há dez anos o número de internautas nacionais que usavam os serviços de banca online apenas correspondia a 11,8% da população bancarizada.

[caption]Marktest banca online[/caption]

Como é possível ver no gráfico, o maior salto de utilização deu-se entre 2009 e 2010.

Até ao final do ano os valores relativos a 2013 ainda vão alterar-se, mas dada a tendência dos últimos anos, é de esperar que também no segundo semestre do ano se registe um ligeiro aumento na taxa de utilização do Internet Banking.

O estudo da Markest revela que as faixas etárias dos 25 aos 44 anos são as que mais usam o eBanking, assim como os indivíduos das classes média e alta. "Mas são os quadros médios e superiores os que se destacam neste indicador, pois a taxa de penetração deste serviço junto destes indivíduos é de 74,2%", pode ler-se no comunicado da empresa de análise.

Chegou-se ainda à conclusão de que nos primeiros seis meses do ano os homens usaram mais os serviços de banca através da Internet do que as mulheres.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.