Um estudo da Check Point indica que um ano depois da entrada em vigor do RGPD, já há um impacto “extremamente positivo” nos processos de negócio europeus. A especialista em soluções de cibersegurança desenvolveu uma ferramenta chamada GDPRate para apoiar as empresas a implementar e manter-se em conformidade com as regras.

Para realizar o estudo, a empresa recebeu respostas de mil CTOs, CIOs, gestores de IT e de segurança da França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido para compreender como as empresas europeias abordaram os requisitos do RGPD. O estudo mostra que 75% das organizações acreditam que o RGPD teve um impacto benéfico na confiança do consumidor, e 73% acreditam que melhorou a segurança dos seus dados.

O estudo apurou também que 60% das empresas inqueridas já adotaram por completo as medidas do RGPD, e apenas 4% encontram-se ainda no início do processo de conformidade. Numa escala de 0 a 10, a média de otimismo é de 7,91. 65% dos responsáveis acreditam que as empresas têm uma abordagem estratégica e orgânica à cibersegurança.

Apesar do otimismo geral e do progresso na implementação, os especialistas da Check Point referem que ainda existe um grande conjunto de empresas onde ainda há muito fazer.

O estudo demonstra ainda que cerca de 83% das empresas afirmam estar a utilizar soluções cloud nas empresas, mas têm preocupações sobre se as mesmas estão a cumprir com o RGPD.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.