O Simplex está a fazer aumentar o número de casos de burla relacionados com a venda de carros, avança esta manhã o Jornal de Notícias. De acordo com o jornal, o crescimento está relacionado com a facilidade com que passou a ser possível mudar o registo de propriedade dos veículos.

Com a simplificação administrativa e a possibilidade de transferência de processos como o registo dos veículos para plataformas online, "é com enorme facilidade que se muda a propriedade de um carro sem o dono saber", ou se contraem empréstimos em nome de outra pessoa, escreve o JN.

O facto de ter deixado de ser exigido o reconhecimento da assinatura do proprietário do veículo ou a apresentação de documentos de identificação - como o bilhete de identidade ou cartão do cidadão - tem levado ao aumento de casos em que as pessoas ficam sem bens e, nalguns casos, reféns de empréstimos que nunca contraíram, mas nos quais foram usados dados dos seus documentos, perdidos ou roubados.

Na ânsia de simplificar o legislador deixou espaço para a fraude, defenderam alguns dos especialistas mais "conservadores" contactados pelo jornal.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.