O site da Associação da Indústria Discográfica da América está inacessível há mais de cinco dias e deverá manter-se assim, pelo menos, até ao final do dia de hoje, na sequência de um ataque provocado pela variante F do worm MyDoom, detectado originalmente em Fevereiro passado.



Embora a associação - que no último ano levou a cabo diversas acções para punir os utilizadores de Internet que violam os direitos de autor trocando música de forma gratuita - tenha optado por não fazer qualquer comentário sobre o assunto, este é já o mais longo período de tempo off line da história do site.



Em Julho do ano passado o site da RIAA sofreu um ataque DDoS (denial-of-service) que o manteve off line durante quatro dias, um período agora ultrapassado em consequência de um ataque com as mesmas características, escreve a empresa de monitorização da Internet Netcraft.



O site da RIAA está inacessível desde o passado dia 17 de Março, altura em que, segundo se supõe, o vírus estiva programado para iniciar o ataque. Recorde-se que as primeiras versões do MyDoom tiveram como alvos o grupo SCO, que protagoniza o processo judicial contra a IBM por causa do Linux e a Microsoft, numa segunda fase.



O MyDoom F usa métodos idênticos à versão original do vírus considerada pelas empresas de segurança de perigosidade máxima e que chegou a infectar milhares de computadores por todo o mundo.



Notícias Relacionadas:

2004-02-10 - Novos vírus aproveitam legado de Mydoom propagando-se em máquinas infectadas

2004-02-02 - Mydoom deixa offline site da SCO


2004-01-29 - Microsoft na mira da variante de Mydoom

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.