Apresentado hoje, o primeiro relatório da Stop Badware Coalition lista a rede de troca de ficheiros Kazaa como violadora dos direitos pessoais do utilizador ao recorrer a software intrusivo, assim como um gestor de downloads de vídeo distribuído pela Movieland, um programa de remoção de spyware da SpyAxe e o Waterfalls 3 da Screensaver.



Segundo a organização, criada em Janeiro deste ano, o Kazaa e os programas distribuídos pela Movieland.com e a Screensaver.com não informam os utilizadores de que integram software adicional. Os mesmo programas modificam software já instalado no computador sem aviso prévio, enquanto alguns deles - como é o caso da rede peer-to-peer - são difíceis de desinstalar completamente, refere o relatório.



O relatório da Stop Badware Coalation teve por base as experiências dos visitantes do Stopbadware.org. "A partir das suas histórias identificámos e testámos quatro aplicações que apresentavam comportamentos intrusivos ou censuráveis", refere a associação.



A Stop Badware Coalition conta com o Google, a Lenovo, a Sun, as Universidades de Harvard e Oxford e o projecto cívico WebWatch entre os seus membros, unidos com o objectivo comum de combater a disseminação de software intrusivo (ver Notícias Relacionadas).



Para o efeito criaram o site Stopbadware.org a partir do qual, entre outras coisas, "listam" programas com essas características de modo a que os utilizadores possam perceber se determinada aplicação que pretendam descarregar para os seus computadores possui ou não código malicioso.


Notícias Relacionadas:

2006-01-25 - Universidades, tecnológicas e associações cívicas associam-se contra badware

2005-07-12 - Anti-Spyware Coalition define conceito de spyware
2005-07-08 - Ameaças de segurança online alteram hábitos dos internautas

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.