O feito histórico está a ser comunicado pela Comissão Europeia como um ponto de viragem. Todos os países Estados-Membro em 100% dos seus territórios têm cobertura e acesso a ligações básicas de banda larga.

Ter acesso e ter cobertura não significa que todos os cidadãos europeus tenham de facto Internet. Estar disponível é diferente de estar subscrito. Os 100% de cobertura são garantidos através de 148 satélites. A cobertura através de banda larga móvel - 2G, 3G e 4G - abrange 99,4% da população europeia, enquanto a banda larga fixa chega a 96,1% dos habitantes.

A "celebração" da Comissão Europeia funciona ao mesmo tempo como uma chamada de atenção para os milhões de pessoas que pensam que estão excluídos da cobertura da Internet, quando na realidade isso não acontece. Em Portugal 100% do território tem cobertura de banda larga móvel.

Ao todo e segundo dados da Comissão Europeia, apenas três milhões de pessoas não têm acesso à banda larga fixa e móvel, sendo que a única alternativa é a subscrição de operadores por satélite. Em Portugal o TeK já deu conta do projeto da Tooway, uma empresa que fornece banda larga a partir de 20Mbps em todo o território nacional.

O próximo passo é, na opinião da comissária Neelie Kroes, garantir cobertura de Internet de alta velocidade na totalidade do território constituído pelos Estados-Membro.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.