A Internet é a ferramenta mais utilizada a nível mundial para procurar informação sobre viagens de lazer. A segunda opção para a escolha do destino é a opinião de familiares e amigos, enquanto os folhetos das agências de viagem surgem na terceira posição.

Os dados constam do estudo "Trends in the travel market", realizado pela Travelport a um painel de inquiridos de 12 mil residentes, de 12 países distintos, sendo que o enfoque das conclusões incide sobre os Estados Unidos, a Rússia, o Reino Unido, a Índia e os Emirados Árabes Unidos.

A análise conclui que 75 por cento da população mundial recorre à Internet para encontrar mais informações acerca de possíveis destinos, sendo que os britânicos (79 por cento) são os que mais utilizam esta ferramenta de busca.

Os inquiridos consideram, contudo, que a aquisição da viagem online demora demasiado tempo e é o mais frustrante de todo o processo. Esta tendência verifica-se a nível mundial tanto na área de lazer, como na de business.

Os métodos de reserva variam significativamente entre os países estudados, sendo que as reservas feitas directamente através das páginas online das companhias aéreas têm aumentado. Os habitantes dos Emirados Árabes Unidos são os que mais recorrem a este método, contrariamente a apenas 10 por cento dos russos.

Outra tendência apresentada no estudo é o aumento das reservas múltiplas de serviços, como o alojamento ou o aluguer de carro, entre outros.

Segundo o estudo da Travelport, as redes sociais desempenham um papel fundamental na partilha de informações e experiências. Os viajantes, principalmente da China e Índia, são os que mais utilizam este método para procurar informação para as suas viagens.

Os inquiridos consideram ainda importante receber no telemóvel informações como datas das reservas, dados sobre eventos e atracções turísticas.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.